A PAIXÃO 
 DA REGIÃO 


Remédio contra impotência pode estar ligado a câncer de pele

25 JUN 2015
25 de Junho de 2015

A ingestão de medicamentos para impotência, como o Viagra, pode estar associada a um risco aumentado de desenvolver melanoma, um câncer de pele agressivo, de acordo um estudo publicado nesta terça-feira (23). A pesquisa não estabelece, porém, uma relação direta de causa e efeito.A enzima denominada PDE5, que é o alvo dessas drogas contra a impotência, também desempenharia um papel no desenvolvimento de melanomas.

Diante disso, os oncologistas questionam se as moléculas dos princípios ativos que compõem remédios como o Viagra - as quais neutralizam essa enzima para tratar a disfunção erétil - favorecem a formação de melanomas, explicam os pesquisadores.
















Viagra é usado por homens com impotência

(Foto: Ian Hooton/I2H/Science Photo Library).

Voltar