A PAIXÃO 
 DA REGIÃO 


Fundo para o clima chegará a US$ 100 bilhões em 2020, dizem ministros

13 OUT 2015
13 de Outubro de 2015
Os países mais ricos do mundo conseguirão chegar a um acordo para aumentar a contribuição para combater a mudança climática até que ela chegue a US$ 100 bilhões por ano em 2020. Essa é a opinião de ministro de países-chave no processo, que discutiram o tema no encontro do FMI em Lima, no Peru. O Banco Mundial e outros bancos internacionais anunciaram novas contribuições que se somam a outras promessas que já haviam sido feitas por países individuais. 

Os recursos se destinam a ajudar países mais pobres a arcar com a adaptação ao aquecimento global e a reduzir emissões de gases do efeito estufa. Um relatório divulgado na última semana mostrou que países já desembolsaram US$ 62 bilhões de financiamento em 2014, e novas promessas ajudarão a atingir o objetivo para 2020.

A diretora do FMI, Christine Lagarde, aparece em telão durante evento sobre mudança climática no encontro do fundo em Lima, no Peru (Foto: Stephen Jaffe/FMI/Divulgação/Reuters)

Voltar